sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Encontro

"- Na primeira vez que te vi,
sabia que tu ia ficar comigo.
- Sabia como?
- Bah, eu sabia.
- Te contar: eu também sabia.
- Então. Essas coisas a gente sabe."



Eu o conhecia há três dias e de repente estava ali, parada diante do quarto dele, um dos pés na iminência de um recuo e o outro avançando para o interior de uma vontade súbita que não fiz a mínima questão de coibir - a vontade do meu corpo, concentrada nos dedos que escorregavam audaciosos do terreno da razão para confluir num toc-toc-toc rápido, quase tímido, anunciando-me do outro lado da porta. Aquela noite era diferente das outras. Naquela noite, eu queria mais. Mais do que a lembrança enviesada de uma história complicada cujo fim sobreveio antes mesmo do começo. Mais do que alguém inventado. Mais do que um cálice diário de expectativas irreais. Naquela noite, eu queria presença. Toque. Cheiro. Gosto. Cor. Hálito. Queria de um querer súbito e sem polimentos, e eu instintivamente sabia que era dessa forma que ele me queria também. Por isso, quando pretextei sono e inventei que iria dormir, eu sabia que ele não permitiria que eu saísse dali. E, quando ele me segurou forte os braços e me umedeceu deliciosamente a boca com o beijo mais perfeito que eu jamais imaginara, eu sabia que aquela noite estava apenas começando - e que, ao longo dela, não haveria script, nem limites, nem perguntas, nem explicações: haveria apenas dois corpos entregues ao chamado misterioso e quente dessa coisa avassaladora chamada desejo, confundindo-se um no outro entre carícias e suores e gemidos, acumpliciados na intimidade rubra e inteiriça da languidez ofegante que, pouco a pouco, sereniza entre rostos unidos e membros entrelaçados, ambos entorpecidos pela sensação do prazer mutuamente proporcionado, desafiando a exaustão do corpo entre delícias que insistiam em interminavelmente recomeçar. Foi assim que, enquanto o dia amanhecia, adormeci nos braços dele com meus lábios ainda colados aos seus, cada centímetro meu inteiro marcado por cada centímetro daquele homem, minha cabeça repousada no seu peito enquanto meus olhos descansavam embebidos naquele sorriso lindo. "Agora você é minha", a voz preguiçosa brincando nos meus ouvidos, tatuando na minha memória o sotaque gostoso do Rio Grande do Sul. E agora, ainda, as marcas dessa noite perfeita fazem pouso na minha pele e na minha lembrança, e me dizem que as melhores coisas da vida são as inesperadas, aquelas que acontecem sem muito planejamento e que nos levam em determinada direção quando tudo parece nos encaminhar a outra. É essa a matéria do ininteligível. E, igualmente, é essa a matéria do inesquecível.


Primeira postagem diretamente do Paraná,
iniciando a nova temporada em grande estilo ;)

86 comentários:

Rafhitch disse...

Nossa. Sem palavras para descrever o quão bom está o seu texto.

Simplesmente maravilhoso.

;)

Beijos!

Cris disse...

É tão bom sentir isso. Felcidades linda Flavia. Bjos

Tecnenfermaginando disse...

sim flávia, na tua idade é assim que funciona.

na minha... rever alguns valores de vez em qdo, remodelar critérios...

e reaprendendo a conjugar os verbos.

bju
:)

Daniel disse...

O inesperado sempre acaba sendo o mais interessante. Felicidades 1000 nesse seu novo caminho. Têm texto meu no O Arroto. Bjus e bfs.

http://so-pensando.blogspot.com

http://o-arrotoooo.blogspot.com

Márcio Ahimsa disse...

É, Flávia, o inesperado tem mesmo sabor de quero mais. O acaso, quase sempre, é o rumo mais certo para coisas que ficam.


Beijos,querida.

Palavras de um mundo incerto disse...

Guria, que texto belo!

Bah, quando li "Rio Grande Do Sul", fiquei curioso. hehe Pois até então estava passando meus olhos nas frases.

A Kari diz o mesmo. E o sotaque nosso é TRI LEGAL!

Bah, guria, muitas e muitas felicidades pra ti.

Bah! hehehhe

Beijos!!!


Marcos Seiter

Palavras de um mundo incerto disse...

Guria, tava te visitando agora a pouquinho! hehhe

Ah, vamos sim! É só chamar!

A Kari estava aqui em Poa até terça. Mas quando brilhar estou indo novamente para Pernambuco. hehehe

Guria, eu e ela desejamos conhecer o Brasil todo. Será( quando possível)um prazer pra gente conhecer o Paraná e ainda por cima, tu, querida. Nós dois te admiramos muito!

Bah, meu chimarrão é bem quente. A Erva tem que ter alguns pedacinhos da planta. ehhehe Tô brincando!

Beijos!!!


Marcos Seiter

Mai disse...

'...que o inesperado faça uma surpresa...'

Depois a próxima palavra nessa música é 'FICA'.

Bem, vamos combinar que a tal '...languidez ofegante...' é alguma coisa de explicitamente reticente, Flá.

Esses personagens estariam exaustos até agora...

Mas para quebrar esse certo ar de sofisticação-explícita-erótica
(agora é hifenização tripla...
Um certo quê de rebeldia anti acordo ortográfico...)

Vou estrapolar em gerúndio de telemarketing:
'ELES VÃO ESTAR FAZENDO AMOR E A FLÁ VAI ESTAR ESCREVENDO OS SEUS MELHORES TEXTOS.

Ei, escrevi um texto sobre um sujeito que era um
messias-minotauro que tinha um vício: queria ser um pitbull raivoso e anti social...

Já leste este?
Ó, Flá, cuida bem da Flávia prá mim, ok?

Beijos zil...
Sabes o quanto de gosto e te gesto.

Muuuuuito carinho.

Zandali disse...

e viva o inesperado!
queria um inesperado desse na minha vida! ai, ai... rs

beijos e bom final de semana!

Caroline Ribeiro disse...

'Sabe de uma coisa'?
Seu texto está PERFEITO!

Sunflower disse...

hee hee hee,
Mr Bojangles DAAAAAAAAANCE!!!!
(coloca a mão na boca e ri)

beijas

PS: E eu semana que vem em Belém, isso é coisa que se faça?

Monday disse...

gostei do seu riso de felicidade, espelhado tão claramente em cada linha ... melhor assim, não?

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

Tem as estrelas da manhã
alinhadas em circulo
como um farol de aviso
aos navegantes
incautos e perdidos
que me habitam ...
Se eu pudesse
mascarava-me de lua nova
(que se esconde nas tramas
nebulosas
do meu sentir)
e escarnecia das sombras
fantásticas
que me desafiam
com versos...
(Maria Flor)

Só passei para te desejar um final de semana lindo com muito amor...
Abraços

NiNah disse...

Coisa mais linda de ser lida. Fiquei aqui com cara de boba em cada linha.
Adorei.
Sou sua fã. Sempre.
Que seus dias por aí sejam maravilhosos...
Bjo

Dri disse...

Linda descrição do quanto é mágico e sublime se entregar aos mistérios da paixão, da pele, do instinto, enfim... bjos

Sam disse...

Flavinha,

Bom tê-la de volta, Tchê!

Beijos Meus =)

Kari disse...

E é tão maravilhosamente gostoso "ser" de alguém...
E o que esses gaúchos tem em? Minha mãe diz que eles estão invadindo o mundo (pois minha irmã casou com um gaúcho também...) heheheheh

Flavinha, muitas felicidades nessa nova fase da tua vida. Que essa mudança não seja apenas geográfica, mas sim completa (como percebo que está sendo) e que as coisas sejam sempre assim... Inesperadas e inesquecíveis!!!!

Beijão pra tu

D.Ramírez disse...

com um texto desse, se fosse gaucho diria:
Entao galopia por esses rincoes afora, respirando essa brisa envolvente e siga sempre a frente,tche.
rs

Belissimo.

Besos

disse...

Flavita, linda!
Que haja sempre o inesperado na tua vida!

Grand Baiser, minha flor!
=}

Fernanda Papandrea disse...

nossa! intenso! bom demais! lindo texto =)

beijos

Paulo R. Diesel disse...

que bom que a gente sabe...

Bia Kohle disse...

Fez-me viajar.
E realmente o imprevisível é o melhor!

\ Visite o meu novo blog, o http://eunaoconsigoodiarninguem.blogspot.com. Estarei esperando a sua visita. =)

Sieger disse...

Uau... e que tal por ai?

Duanny!. disse...

Perfeito Fláviaa!!
como todos os outross!
=D
adoreei,

xD

beeijo

Jean Rocha disse...

Mas credo, olha a gauchada aí inspirando hehehe!

Texto "loco de bonito"!

Que bom que chegaste bem ao Paraná e que, pelo visto, não perdeste nem um pouco da tua verve literária!!!

Abração!!!

P.S.: Ah, me deixaram brincar no e-blogue... te encontro lá!

Branca disse...

Adorei seu texto!
Delícia qdo a paixão chega de forma inesperada, nos pega despreparada não dando nem tempo de raciocionar direito rs...são essas que deixam marcas mais fortes.

Bom domingo pra vc,
bjo carinhoso.

Stephanie disse...

que delícia esse texto. Me deu uma sensação de saudade de momentos como esse há muito passados, que tanto quis esquecer só pelo medo de que não tornassem a acontecer. Só agora me dou conta da sorte que tive, de ao menos ter vivido algo assim, porque é raro.

e você colocou muito bem em palavras.

=)

Sr. Despedaça Corações disse...

Porque tentar tornar inteligível algo que não deve ser compreendido?
É como tentar usar um número limitado de palavras para definir o inefável.

Então. Essas coisas a gente sabe.

Camila :) disse...

vc escreveeee suuuper beem cara!me inspiro em seus textos :)
nhaaa e com grande estilo *-*
o dialogo do começo parece com oq estou passando hehe


bejoos

Afobório. disse...

palmas mais uma vez, as suas palvras são sempre sensíveis e justas.

parabéns, sorte e luz.

Aline Brito disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Carol disse...

Morri. Pra variar.
Texto lindo, cheio de sentimentos e coisas que preciso sentir ainda.
Ai, ai...
boa sorte em sua jornada no Paraná ;D
Beijo

Welker disse...

Colabore com o inevitavel... beba uma limonada gelada. (essa foi a metáfora mais estranha que já usei)

Nadezhda disse...

É melhor eu não esperar nada então ;)

*Raíssa disse...

"Mais do que a lembrança enviesada de uma história complicada cujo fim sobreveio antes mesmo do começo. Mais do que alguém inventado. Mais do que um cálice diário de expectativas irreais."
Muitas vezes também quero isso...

As coisas inesperadas são realmente sempre as melhores, se positivas.

Beijos!

Taynar disse...

Tu e os teus textos perfeitos.
Nem tenho o que comentar, não porque não tenho nada pra dizer, mas é que tu sempre roubas as minhas palavras com os teus textos, deixando na minha cabeça mil coisas!!
Droga, Flávia!!
hahahahhaha

Te cuida por aí e dá notícias, po!
Beijos

Ciça. disse...

Ai, nem tenho o que escrever, esse seu texto me fez lembrar um fato muito recente que me aconteceu.


:*

Altamir disse...

Barbaridade, tchê!!!! Beijos, Flávia!

Thiago Rodrigues disse...

uau, fortes sensações/emoções.

D.J disse...

Êbaaaaa, vc voltou!
E é uma delícia saber que voltaste com o coração transbordando de coisas boas.
E pelo que eu li, apaixonada!
Seja bem-vinda, flor!
Beijo, beijo!

P.S.: Confesso que me fizeste chorar...meu coração não anda tão bem assim.

Ric@rdo disse...

É permitido se sentir o personagem da história?
Há, guria! Tu és uma barbaridade!

Beijo muito carinhoso.

Mila disse...

Nem me contou ne??? hauahauhaua
Como estão as coisas ai na terra do pé vermelho???
Saudadona de ti!!!!
Beijos Mila

Isaque Viana disse...

Oi, filha!
Já pediu 'bença' pro pai?
Paraná, é?
Vixi...

Saudade.
beijo.
fui.

Mariana Moralles disse...

Olá! Tudo de bom esse seu espaço!
Tem uma coisinha pra vc na minha página, espero que goste! Beijossss

Tecnenfermaginando disse...

sele-se, flávia!

é a sua cara o selo lá no blog da mariana!

bjo!

Clarice Lis disse...

Arrebatador, mexe com os sentidos. Bom de ler, melhor ainda de sentir ... matéria-prima de melhor qualidade. beijos da janela e seja bem vinda ao Paraná.

Alexandre Forato disse...

Nossa! Adorei o seu texto. Mto bom mesmo. Pude sentir a sua sensação de felicidade. Seu blog vai pra minha lista de blogs, pra poder acompanhar sempre.

P. disse...

As melhores coisas são as que acontecem sem planejamento, sem dúvida!
Queria eu voltar a sentir essa sensação em minha vida ;)
Bjs

Flavio Ferrari disse...

E viva o Paraná !!!
Mas só para constar, as coisas planejadas, seduzidas, conquistadas, também são muito boas ...
E, por último, não te conheço pessoalmente ... mas pela foto do blog também não te deixaria escapar sem um beijo.

Thiago disse...

Bah guria! Que coisa feliz ler tua primeira postagem direto de cá assim inexplicavelmente feliz!

Que o Sul e tudo mais à deixe sempre assim!

Convite aceito ao chimarrão e a prosa hehehehehe

abraço quebra costelas!

Jaque Lima disse...

espero que esse seu etxto não seja só uma história contada, mas também vivida. porque partilhar desejo é "bão" demais...

Beijos...e esse início de temporada está MARA!!!

Edna Federico disse...

Noooooooossaaaaaaaaaaa, pára tudo, Flavinha!!!!!! rs
Que jeito bom de se adaptar a uma mudança, hein...vixe, sotaque sulista, hummm.
Como é bom poder cometer essas loucuras...
Beijo

Chantinon disse...

WoW! (Sempre fico sem palavras)!

Anônimo disse...

OI FLAVINHA TUDO BOM!
EU FIQUEI IMAGINAMDO SE ISTO FOI REAL COM VOÇE OU SE E APENAS UMA DE SUAS HISTORIAS MARAVILHOSAS.

LINNNNNNNNNNNDO.
ME RESPONDE?

LEDA. NOVA VISITANTE.

BJOCAS.

R. disse...

Uia, o mercúrio subiu no termômetro aqui. Belo texto, como sempre, moça!

Gostei :)

Bjs

leo disse...

Como seu texto flui! Como vc ja deve ter ouvido isso! Como eu to perdendo as palavras pra comentar!

desconcertante

Leo

Auíri Au disse...

Ai, eu também quero um amor...
Hehehe.
Belo texto, para uma bela nova temporada!!

Beijos

- mandy disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ruberto Palazo disse...

Voce tá no paraná? Hummm... conheço uma guria que é do Paraná e tem outra que sumiu... entao? PQP..... nao vai me dizer que as 3 se encontraram? Yahuuuuuuuuuuuuuuuuu!!!

Beijuuuu Hermanita!!

EVD - off-life disse...

qro dxar uma coisa bem clara.nao to aqui direto por causa da facul e trampo direto(e pq eu nao achei um barraco melhor pra dormir ainda).

qro dizer q to com saudades.e q ta na hora d sair ao menos um e-book...rsrsrs...

bjao proc fia

té mais

evd

Camila Campos disse...

"As melhores coisas da vida são as inesperadas (...) que nos levam a determinada direção quando tudo parece nos encaminhar para outra".
Não poda ser mais verdadeira essa frase e estou vivendo-a em minha vida e é inexplicável o quanto isso é bom!
Parabéns pelo texto, sou fã do blog :D

bj

Claudia disse...

MARAVILHOSO TEXTO!

Parabéns tu escreves mto bem!

Amei seu blog!


bjo

Querido Diário Otário disse...

Que lindo teu texto! Uma graça/delícia, tudo de bom ^^

Também adoro o sotaque gaúcho, rs.

Beijos doces ;*

*** Cris *** disse...

Amiga, nova temporada com estilo,heim...to gostando de ver, é isso aí, vc é muito mais que uma aventura e se aventura tiver que ser que seja de alto padrão, que deixem marcas na sua memória, com sabor de amor, de paixão.
Bjs querida!

*** Cris *** disse...

Amiga tem presentinho pra vc lá no meu blog,tá?
Bjs!

Talita Corrêa disse...

Amorecaaa!
Tem presentinho pra vc no meu blog =)

Bjs

Alana disse...

E o inesperado sempre deixa a gente assim efusivo, não é?! rs. Como sempre, explendidas palavras, Flávia. Beijos Beijos

.Dazinha. disse...

Um dia desses você comentou no meu blog, que não tava acreditando muito nisso de amor, e eu te digo, que nao acredito nisso não! rs.
Escorre sentimento das tuas palavras,mesmo que seja só por uma noite, um momento, pode ser amor.

Beijao flavinha, espero que esteja dando tudo MUITO CERTO nessa tua nova fase!

Ricky Bar disse...

Bom dia em poesia dum fã!


Lentamente,
as minhas mãos percorrem o teu corpo,
suaves, em calmaria
sabem de cor
os meandros do teu prazer!

Lentamente,
a minha boca aviva os teus sentidos,
quente,
o tempo para
para me sentires nos teus lábios
decifrando teu prazer

Bem devagar,
tremes num desejo sôfrego,
apaixonada,
liberta-se dos nós
numa fusão perfeita de nós dois!

minicontosperversos disse...

Ahnnnnn... a explicação está nos pequenos detalhes. Os novos começos são os melhores. Bj

Jana disse...

Sotaque gaúcho... É bom né?
Tenho o meu próprio e falo cantarolando.

;)

o casalqseama* disse...

bravo!

nada como entregar-se ao inesperado...


sucesso aí, guria! rsrs

bjão da fê =D

Celine Ramos disse...

que delicia, meo deos..!!!

Aproveita, se entrega..sem medo. sem pensar...

depois é depois.

Boa Sorte nessa nova fase.
beeijos

iaiá disse...

amizade é quando a gente fica feliz de saber o amigo feliz!

e eu sempre acreditei que o que tiver de ser será. bj

Cesar disse...

Maravilhoso e avassalador estilo. Não sei se invejo a ele, ou a sua forma de escrita...

Maldito disse...

Que os ventos soprem a favor dessa sua nova empreitada!
Inté

Jaya disse...

Flávia,

Sabe de uma coisa?

Duvido muito que a escrita deliciosa desse texto teu - o primeiro que leio -, seja pela mudança de estado. Se fosse assim, pediria a você que se mudasse, a cada post. O caso é eu fui ler os textos antigos. E fiquei com raiva. Como assim passei tanto tempo sem apreciar tuas letras, moça? Prevejo vício. E não, não quero antídoto.

A cena da tua história, fez filme, por todos os cantos que meus olhos passaram. E é bem assim que eu gosto.

Escreve sempre, moça.
Eu, não largo mais.

E te beijo, com carinho.

P.S.: Obrigada pela visita e palavras doces lá no blog.

Antonio Sávio disse...

Cada vez melhor se deparar com sua escrita. Parece que nos segura pela gola da camisa e nos olha no fundo dos olhos. Sufocantemente delicioso de ler.

Tyr Quentalë disse...

delicioso, preciso dizer mais?

Nathália disse...

Tem vontades que é melhor mesmo não reprimir. Rsrs

Beijo!

Thyago David. disse...

Começando a temporada com o pé direito ein?
com um amor :)

Felicidades pra você moça.
Muito bom te ler .. ;)

Beijos.

ALF disse...

Que texto intenso. É maravilhoso a maneira como tu faz parecer tão encantador o que tu escreve. Adoro ler seus textos, porque encontro um talento fora do comum. são letras que passam uma sensação boa, seja do que for que esteja falando.

Adorei.
:)

Flavinha, voltei de férias. E depois desse meio tempo atualizei meu blog. Espero contar com a sua presença por lá viu. Beijocas.

Patrícia Lage disse...

Ahhh...
Esses gaúchos.
Gaúchos com olhos cor de céu então, minhanossasenhoradosdesejosrealizáveis!!!

=D
Meu beijo e meu amor, amiga-metade.

Luiz Calcagno disse...

Então, essas coisas a gente sabe... Espero que sua nova fase seja boa, que dê bem certo. Você merece. Abraços e votos de alegria de Brasília! Grande abraçozão

Charlotte disse...

aaaiiii! estou apaixonada por um gaúcho!

hahaha...

como assim Paraná? Que cidade menina?!

beijos Flá...

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,