domingo, 30 de novembro de 2008

Eu Acredito.

E ponto.

Soundtrack: Clap Your Hands and Say Yeah! - Let the Cool Godess Rust Away



Quando digo eu acredito, o que sai da minha boca subverte o óbvio e dá as mãos a uma pluralidade surpreendente, às vezes ininteligível, de sentidos; e entre não duvido e tenho fé cabem várias de mim, todas carregadas dos meus sotaques, e vícios, e signos, todas entrelaçadas ao que sinto cada vez que respiro fundo e me reconheço – e me recomeço.

Eu acredito pode ser calado: abraço quente de calor colado ao corpo, ou um silêncio pontuado de pequenos gestos apaziguando as exacerbações da minha alma anárquica. Eu acredito pode ser calado, nunca mudo, nem cego – pois eu acredito pode ser, também, eu vejo e eu desacredito em quem diz que não vê. Eu acredito pode ser os meus olhos cheios de riso ainda que eu chore – pois eles não se turvam e sempre brilham, e vêem através. Eu acredito pode ser eu amo, assim, um amor intransitivo. Um amor intransitivo e, apesar de uno, um amor plural, desses que desobedecem as semânticas, transcendem aforismos, rejeitam silogismos: meu amor é linguagem outra, própria.

Eu acredito pode ser eu vou – me dou o direito de não renunciar ao próximo passo. Eu acredito pode ser eu posso. Eu acredito pode ser eu quero. Eu acredito pode ser é meu. Eu acredito sou eu parada no meio da rua observando rostos desconhecidos que jamais esquecerei, sou eu rabiscando no ar as palavras que invento, sou eu aqui e ali, particulada, sem me perder de mim, sem me negligenciar ou diminuir – pois eu acredito, antes de qualquer coisa, é sempre eu acredito em mim. Eu acredito sou eu cansada, ferida, coberta de receios, às voltas com meus descontroles, e cruzes, e monstros, mas de pé. Eu acredito pode ser – e invariavelmente é – eu vivo. E, seja como for, eu acredito.


48 comentários:

R.Vinicius disse...

Eu acredito em você e em todos os sentidos; como pessoa, como mulher, como amiga, como escritora, como médica, como conselheira, como companhia, como sorriso, como lágrima, como abraço bem apertado .. eu simplesmente acredito em você e acreditar vem com um bonus - Confiança; também confio em você e em todos os sentidos. E eu acredito que vamos ser amigos pra sempre. Também acredito que um dia vamos passar o aniversário juntos :)

Abraços, ótima semana,

R.Vinicius

Paulo R Diesel disse...

Acreditar eu acredito, mas também duvido muito.

Este é mais um dos teus textos com aquela marca própria e que nos obriga ler do início ao fim.

Estou aprendendo muito com os teus artigos Flávia.

Beijo

fred disse...

Acredite, como estou digitando o aplauso é uma metáfora , mas é sincero e seria também de pé, se eu não estivesse sentado para digitar.
Beijos, moça.

Van disse...

Eu também acredito, amoreca.
Em tudo e de qualquer forma.
Acreditar é continuar...
Beijucas

Monday disse...

e por que alguém que domina tão bem essa arte de alocar as palavras em frases e períodos, expondo seus pensamentos, seus sentimentos, trazendo tantos sorrisos aos olhos que te procuram, porque alguém assim não haveria de acreditar?
mas é sempre bom dar uma forcinha a mais, principalmente para quem diz eu vivo de boca cheia ...

A Senhora disse...

"eu acredito" pode ser "eu sonho", porque nos sonhos redesenhamos nossas vidas, firmamos objetivos, infringimos obstáculos e leis, mas... vivemos.

beijinhos, menina!

Janaína S. disse...

Adoreei.

"eu acredito, antes de qualquer coisa, é sempre eu acredito em mim."
que seja sempre assim!

beeeijo Flavinha.

.raphael. disse...

Eu acredito que a Flavinha sempre escreverá coisas para nós lermos aqui! Sempre! Eu acredito! :):)

Beijoss!!

.raphael. disse...

Eu acredito que a Flavinha sempre escreverá coisas para nós lermos aqui! Sempre! Eu acredito! :):)

Beijoss!!

Daniel disse...

É condição número do viver humano acreditar! Quem desiste de algo não vive... Furta-se de provar novas coisas, viver outras histórias, enfim, não evolui. Tem novidade no Blues na Veia, passa lá e me diz o que achou. Bjus e boa semana.

http://so-pensando.blogspot.com

http://blues-na-veia.blogspot.com

L. Rafael Nolli disse...

Olá, Flávia. Minha primeira vez por aqui. Gostei do texto - o estranho caso de Eleonora é muito bacana também. Abraços e parabéns.

Hebertt disse...

Antes de tudo e todos eu acredito em mim, muito bom o seu texto gostei muito da metáfora meu parabéns seu flog e muito bom e você também escreve muito bem mesmo! Eu sempre acredito no melhor das pessoas e nos sonhos também

Nadezhda disse...

O meu "Eu acredito" tem muitos significados. Mas na maioria das vezes são coisas que eu não tenho certeza.

;)

Nadezhda disse...

O meu "Eu acredito" tem muitos significados. Mas na maioria das vezes são coisas que eu não tenho certeza.

;)

Thiago Gagante disse...

e é exatamente assim pra mim. e é por isso q não consigo virar uma página. toda vez q eu estou lendo ela, eu acredito.

e acredito

Flávia disse...

R.,

Ia ser bem legal cantarmos 'parabéns' um pro outro, hein? ;)

PAULO,

Eu tenho uma necessidade de acreditar, mesmo com tantás dúvidas - os tais monstros que ainda guardo no armário. São pouco, mas existem. E, quando eles escapam, é uma batalha de gigantes...

FRED,

Ah, moço, muito obrigada! =D

VAN,

Sim, exatamente - continuemos, pois! ;)

MONDAY,

agora vamos repetir, todos juntos: EU VIVO!

MI,

Sem dúvida, querida... "eu sonho" talvez seja mesmo um dos melhores sinônimos para "eu acredito" e, por tabela, para "eu vivo"...

JANA S.,

Amém, flor!

RAPHINHA,

Eu acredito que o Rapha sempre será um cara que fará a Flavinha sorrir =D

DANIEL,

Passando pra conferir ;)

RAFAEL,

Seja bem vindo, moço - volte sempre que quiser, está mais do que convidado!

HEBERTT,

Acreditar no melhor é sempre uma forma de fazer o melhor acontecer, não? Obrigada pela visita, mocinho - apareça mais vezes, será um prazer!

THIAGO,

Rapaaaaaz... é isso, é isso. Deve ser o 'lado B', o 'efeito colateral' de acreditar, a dose que diferencia o remédio do veneno: acreditar tanto numa página a ponto de insistir em não virá-la. Sabe o que tenho feito? Rasuras. Pequenos ajustes, dia a dia reescrevendo uma coisinha aqui, outra ali... até olhar e ver que escrevi uma hitória diferente. Funciona ;)

Beijos a todos e excelente semana!

Bandys disse...

Bom primeiro uma queixa : Eu nunca pego seus comentarios aqui, rrsrsr fico sempre chupando dedo,kk

Acredito que voce é um a pessoa especial e que sua determinação trará muitas crenças ainda!

beijos

JAMES PIZARRO disse...

Lindo blog...diferenciado totalmente do mar de abobrinhas fúteis que existe na internet...És prova de vida inteligente na rede. Meus parabéns por isso.
Beijo

JP

Ultra Violet disse...

Eu acredito em mim, mas tem certas "coisas" que eu acreditava e nesse momento, acho que jamais vou acreditar novamente.

Até que alguém me prove o contrário...

Bjs.

Luciana disse...

Tô até cansada de dizer "LINDOOOOOOOO" rs
Eu tbm acredito!
Ah!Pois é já estou indo pro(a)segundo herdeiro(Não vejo muita televisão por aqui rs)
É um loooooooonga história...
Bjos

afobório disse...

e eu acredito em teus textos, de boa.


sorte e luz.

Sieger disse...

Ai, eu tb acredito ^^

Linda_Rê disse...

E é assim que eu acredito!
Perfeito!

Beijos

Rodrigo Carreiro disse...

Eu acredito no amor...

Jana disse...

Eu acredito que você é genial.
Sempre me deixando sem palavras, e arrepiada até os pelinhos do nariz.
Já disse que sou fã?

Beijoca gata
:)

Flávia disse...

NADEHZDA,

Acho que é normal... faz a gente duvidar menos ;)

BANDYS,

É que eu acabo levando uns diazinhos para responder, rs... mas vou tentar ser menos preguiçosa, e responder TODOS antes de lançar o próximo post!

JAMES,

Obrigada, moço, e bem vindo!

VIOLET,

Ah, eu tb andei desacreditando de certas coisas - mas percebi que isso acontece justamente por acreditar em mim...

LU,

Bom... eu adoro longas histórias ;)

AFOBÓRIO,

E eu nos teus, homem!

SIEGER, RÊ,

Acreditar é importante, né?

RODRIGO,

Rapaz, isso foi tão romântico...

JANIS,

Eu acredito que vc é uma fofa!

Beijos a todos!

Ana Lu disse...

[Eu acredito em mim acima de tudo]
Se eu n acreditar, quem o vai?
Bjs!!

sandro caldas disse...

Oi, Flavinha. Acreditar é força e movimento para as coisas mudarem. Eu acredito em nossa amizade, mesmo que em "continentes" distantes.
Grande beijo!

Altamir disse...

Flavinha, também acredito muito fortemente na sua alma anárquica e irrequieta! Beijo!

Anônimo disse...

Eu tambem acredito!

Charlotte disse...

engraçado, ainda não tinha vindo até o blogue hoje, e escrevi sobre "acreditar" também... mas é um outro contexto...

pegando algumas peculiaridades minhas? hahaha... isso que dá expor alma e coração nos escritos, todos acabam te conhecendo de um jeito ou de outro!

Beijão Flá!

*Raíssa disse...

Eu acredito em mim acima de tudo, mas às vezes minhas idéias se embaralham e não sei mais em quem nem em que acreditar.

Adorei o texto!

Beijos!

Miki disse...

Bem, acreditar? sim acredito, mas no meio de tantos 'acreditos' existe várias dúvidas.. beijos

Extase disse...

vou deixar meu suspiro uuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh.

Sunflower disse...

Eu acredito que vamos nos encontrar por fim de janeiro inicio de fevereiro.

heehee

beijas

Querido Diário Otário disse...

Acreditar é fundamental. Acreditar em si, nas pessoas, no mundo, no futuro!

Acreditar, ter fé, é a chave!

Beijos (K)'

Filipe Garcia disse...

Flavinha,

o capricho dos seus texto está nas palavras bem escolhidas, bem encaixadas, que, mesmo abordando um tema intimista, sentimento-muito-seu, permite a quem te lê a delícia de provar sua poesia.

E sobre acreditar... a fé eu carrego como amuleto. Não sei se é possível viver sem. Nossos passos têm sempre de ser movidos por alguma coisa, algun sentimento de esperança. Qualquer que seja.

Texto bonito, como sempre.

Beijo;

eliane disse...

Eu acredito em um mundo melhor. Sem fome, desemprego, preconceitos, violência e, principalmente, sem essa diferença social aviltante.
Eu acredito que chegará o dia em que o ser humano, em todas as plagas, haverá de viver com dignidade, pois somente após isso, poderemos finalmente desenvolver as virtudes que se escondem em nosso espírito, sem medo de que possamos ser ridicularizados e sem o risco de ser taxado de imbecil por ser honesto.
Também acredito que você é uma excelente escritora e estamos, todos, aguardando o teu livro.
muitos beijos

Three Love´s disse...

Uau! que honra você lá no meu lugar! Amei esse e adoreeeeei o post anterior! Seu blog mé muiiiiito bom!


b.e.i.j.o.s.

Gabriel disse...

E eu ou nós acreditamos em ti...e assim seja...

Paula Calixto disse...

Crer é coisa de quem não sabe explicar sentimento. Porque Vida não se explica: se sente. Abraça-se e aceita... Feliz!!!

Beijos, lindona.

Flávia disse...

ANA LU,

Isso aí, menina!

SANDRO,

eu também acredito. Acredito muito :)

ALTAMIR, GABRIEL,

Acreditemos uns nos outros, pois :)

ANÔNIMO,

Ah, mas eu não acredito que, mesmo acreditando, vc não deixou um nomezinho sequer! Volta por aqui pra se apresntar pra gente?

CHARLOTTE,

Olha, moça... é preciso ter MUITA coragem pra expor a alma e o coração, viu? Admiro muito você por isso!

RAÍSSA,

O legal é quando a gente retoma o fio da meada e percebe que aquele instante de descrença passou - e que a gente acredita ainda mais firmemente ;)

MIKI,

Uma das dúvidas vou tirar já: tô passando pra te conhecer, rs. Bem vindo(a)!

DIEGO,

D., vc é uma figura!

SUN,

Vc acaba de fazer uma pessoa muuuito feliz!! \o/

QUERIDO DIÁRIO, PAULA,

Assino embaixo!

FILIPE,

Acreditar é mesmo a única forma de não nos afogarmos num automatismo cético, na falta de perspectivas... e pluralizar essa fé, essa vontade de não perder as esperanças, é uma batalha diária - mas a gente vence. A gente vence...

ELIANE,

Eu também acredito em mundo melhor - porque, mesmo nesse impessoal e frio ambiente virtual que é a Internet, eu encontro pessoas como vc, que acreditam que existe uma luzinha no fim do túnel e que escolhem ter esperança ao invés de se entregar à descrença. O livro... bem, esse vem - eu acredito!

THREE'S LOVE,

Imagina, a honra é toda minha!

Beijos em todas as testas!

Mai disse...

Flavinha, você é "Flórida" e é florida, também.

Na verdade é uma Flor de poesia. Flá, Já li tua dor, teu humor, teu protesto, teu grito, teu ardor, tua fome, futilidades... Teus anjos e demônios.
Ppariu, Flá...
Cada dia uma nota mais bonita que a outra....
Caramba onde estão as editoras?
Os headhunters? Writershunters?
Ou os simplesmente hunters?
Coisa linda esta oração à poesia, linda Flávia, tu, tua escrita, tua alma.

Não há adjetivos para este texto.
O melhor que já li, nos ultimos tempos e, como agora sigo-te também,vou gritar:
EU ACREDITO QUE ESTE TEXTO É O MELHOR, SÓ ATÉ O TEU PRÓXIMO texto.....

Não sou suspeita mais....
Sou tiete, agora...
Carinho, sempre.

Juliana disse...

E seja como for.... eu também acredito!

Luiz Calcagno disse...

E no embalo, tem uma do Lennon onde ele diz I dont belive in Jesus, e depois, no final, ele diz I belive in me. Muito bonita por sinal. Chega de referências. Isso é só pra dizer que gosto do seu jeito de pôr as coisas. =)

ALF disse...

Eu acredito sou eu lendo esses textos teus que encantam, fascinam e nos ensinam e estimulam a sorrir.

:D

Texto lindo Flavinha

Beijos

.Dazinha. disse...

Eu também acredito, mesmo quando tudo se faz impossivel de acreditar!


Beijos

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,